dúvidas frequente
February 2021
Redação Categoria: dúvidas frequente

10 Principais Dúvidas sobre Financiamento Imobiliário


Posso financiar mesmo estando negativado?


Depende. O banco utiliza recursos de terceiros, dos investidores, e empresta a voce.
O setor de análise de risco do banco irá verificar a sua capacidade de pagamento, ou seja, qual a sua capacidade de gerar caixa mes a mes.
Para isso podera solicitar extratos bancários, declaração de imposto de renda, holerites, consultar seu credit score e outros documentos.
Possuindo uma fonte de receita consistente mesmo que esteja negativado podera conseguir o financiamento..
Entrara tambem na analise a qualidade do imóvel financiado objeto da garantia. Antes de se comprometer com a compra faça uma avaliação prévia com a Apoio Global sem compromisso.



Qualquer pessoa pode financiar?


Não. Voce precisa ser maior de idade, não pode ter mais de 80 anos no momento da contratação ou mais de 84 anos até o termino do contrato. Assim se voce tem hoje 70 anos não poderá realizar um contrato com mais de 14 anos. A sua renda comprovada deverá ser compatível com o crédito pleiteado. O banco poderá recusar o seu contrato por outros motivos. A nossa recomendação é que voce realize primeiro uma avaliação de viabilidade do seu financiamento. Na Apoio Global voce não terá nenhum custo ou compromisso para fazer isso e absorvemos boa parte da burocracia, lembrando que temos as mesmas taxas se for diretamente ao banco com a vantagem de consultarmos mais de uma instituição no mesmo processo economizando seu tempo.



Posso financiar 100% do valor do imóvel?


Não. No Sistema Financeiro da Habitação onde o valor do imóvel não pode ultrapassar R$1,5milhões, entre outras regras, onde o máximo que consegue financiar é até 80% do valor do imóvel. Já no Sistema Financeiro Imobiliário o máximo que conseguira financiar será de 90% do valor e dependendo da instituição financeira menos que isso. Situações muio excepcionais conseguirá 100% e tambem como visto em alguns leilões proveniente de alienação fiduciaria alguns bancos oferecem financiamento de 95% do valor.



Qual o prazo máximo de financiamento?


Para imóveis financiados pelo SFH o prazo máximo é de 35 anos e no SFI até 30 anos.



Qual o valor do imóvel considerado como base para o financiamento?


O banco ira considerar o valor celebrado no contrato de compra e venda ou de um avaliador indicado por ele, dos dois, o que for menor.



Qual o melhor sistema: PRICE ou SAC?


Depende. Temos 3 principais sistemas de amortização: Price, SAC e SACRE. Fatores como prazo de financiamento, possibilidade de antecipar parcelas, taxa de juros e outros. Via de regra o SAC e SACRE são melhores para a maioria dos consumidores. Como cada consumidor tem sua realidade e perfil a Apoio Global oferece uma assessoria financeira sem compromisso antes de tomar esta decisão. Uma vez escolhido será este o sistema utilizado na vigencia do seu contrato e para mudar deverá renegociar com o banco, algo que nem sempre é muito fácil ou fazer a portabilidade para outro banco.



Quais são os documentos necessários para o financiamento?


No financiamento temos 3 partes: o proponente (comprador), vendedor e o imóvel. Além dos documentos abaixo o banco poderá solicitar outros. Via de regra temos:


Documentos do Proponente

  • Imposto de Renda

  • CPF, RG ou Equivalente

  • Declaração de Estado Civil

  • Ocupaçao

  • Comprovante Residencia

  • Ausencia de Impedimentos

  • Ficha Proposta Assinada


Documentos do Vendedor

  • Pessoa Física: CPF, RG

  • Pessoa Jurídica: CNPJ, CRF-FGTS


Imóvel

  • Matrícula

  • Laudo de Avaliação

  • IPTU

  • Comprovante de Quitação Condominial


Outros documentos e informações podem ser solicitados dependendo do tipo de imóvel a ser financiado. As certidões negativas tambem são necessárias bem como análise jurídica. O banco se encarrega de realizar este levantamento após o aceite da proposta e este custo é repassado ao consumidor.



Como é calculado o valor das parcelas?


O calculo depende do sistema de amortização escolhido pelo consumidor. O valor da parcela leva em consideração a taxa de juros, seguro que depende da idade do proponente, prazo, taxa administativa, indice de reajuste inflacionário. No sistema PRICE o valor da prestação é constante desconsiderando o reajuste inflacionário e a parte da amortização tende a aumentar ao longo do tempo que for ocorrendo os pagamentos. No sistema SAC o valor da amortizado é constante e a parcela vai decrescendo em termos absolutos ao longo do tempo desde que tenhamos um cenário inflacionário baixo.


Criamos uma ferramenta de simulação simplificada que aproxima o valor das parcelas para voce poder comparar.



Posso usar o FGTS?


Depende. Estando dentro dos critérios do SFH e cumprida todas as exigencias como: imóvel no valor de até R$1,5milhões, não possuir outro imóvel em seu imóvel, ter contribuido por pelo menos 3 anos ao sistema, o imóvel estar localizado na mesma praça do seu trabalho, o imóvel a ser adquirido não ter sido financiado pelo SFH nos últimos 3 anos. Cumprida as exigencias então é possivel e recomendável usar o FGTS. Do ponto de vista financeiro manter recursos no FGTS é uma péssima aplicação financeira, das menos rentáveis pois ele e a poupança são usados para financiar a habitação popular. O FGTS não consegue bater a inflação, assim, quanto mais tempo deixar os recursos parado nesta conta estara perdendo. Como cada pessoa tem seus interesses, perfil e necessidades é preciso antes analisar as opções para estar alinhado ao seu perfil. O FGTS serve como um colchão de reserva para muitas pessoas que não tem perfil de poupador.
O FGTS pode ser utilizado para antecipar parcelas a vencer a cada 2 anos bem como pagar parcelas em atraso desde que esteja financiando dentro das regras do SFH.



Quanto tempo para liberar os recursos ao vendedor e quanto começo a pagar?


A liberação dos recursos ao vendedor do imóvel ocorre em até 48 horas após entrega da matrícula com a garantia averbada.
A primeira parcela ocorre 30 dias após assinatura do contrato e alguns bancos podem conceder carencia maior, em alguns casos até 1 ano. Porem vale lembrar que a carencia tem um custo uma vez que nada estara sendo amortizado fazendo o bolo do juros crescer.